Vivian Maier, Untitled (s/d)

Sobre a fotografia da criança que se deixa posar

de braços cruzados em frente à montra repleta

de luvas e que olha Vivian nos olhos, o historiador

destacou a importância de usar relógio. No entanto,

quanto mais a observo, mais prefiro que aqui fique

registada a condição de um certo absoluto que se

percepciona naquele olhar. E não se conseguindo

definir a natureza desse absoluto, nem o seu nome,

nem o seu tempo, nem o seu lugar, contemple-se

todo o rosto, determinado pela sujidade e pelo choro,

e a ausência de um sorriso, para se entender que

o que perturba nesta imagem, tão lírica quanto real,

é o excesso de um auto-retrato.

 

 

De Untitled (2017, volta d’mar)

Em qual playlist quer adicionar esta peça?

Tem a certeza que pretende eliminar a lista ?

Necessita de estar registado para adicionar favoritos

Login Criar conta

Miguel Martins [compacto]

Partilhar

São sete poemas. Tantos quantos me pediram. Nem seis nem oito. E, que eu saiba, nada os une, a não ser o facto de terem sido escritos por mim. Mas em momentos tão diferentes que, dada a constante reconfiguração que os dias me impõem (e que acolho sem grande resistência), isso poderá não querer dizer grande coisa. Portanto, nada tenho a acrescentar-lhes e posso passar a ocupar este espaço que me dão com poetas que me comoveram ou comovem, entre poemas e/ou solidariedade, na certeza de que muitos outros, igualmente merecedores, ficam de fora, por me socorrer apenas da minha agenda de contactos:

 

A. M. J. Crawford, A. Maria de Jesus, Abel Neves, Álamo Oliveira, Alejandro Morellón, Alexandre Saldanha da Gama, Alexandre Sarrazola, Alexandru Potcoava, Ana Isabel Dias, Ana Isabel Soares, Ana Marques Gastão, Ana Salomé, Ana Zanatti, André Tecedeiro, António Barahona, António Cabrita, António de Miranda, António Poppe, Bruno Béu, Carlos Mota de Oliveira, Catarina Nunes de Almeida, Catarina Santiago Costa, Changuito, Cláudia R. Sampaio, Diniz Conefrey, E. M. de Mello e Castro, Eduardo Guerra Carneiro, Eduardo White, Emanuel Félix, Ernesto Sampaio, Eunice de Lemos, Fernando Aguiar, Filipe Homem Fonseca, Gabriela Ludovice, Guilherme Mendonça, Henrique Manuel Bento Fialho, Inês Dias, Inês Fonseca Santos, Inês Ramos, Jaime Rocha, Jane Mckie, Joana Morais Varela, Joana Serrado, João Bosco da Silva, João Concha, João Miguel Henriques, João Moita, João Paulo Cotrim, João Paulo Esteves da Silva, Joaquim Castro Caldas, John Mateer, Jorge Fallorca, José Agostinho Baptista, José Anjos, José António Almeida, José do Carmo Francisco, José Luís Costa, José Ricardo Nunes, Levi Condinho, Luís Brito, Luís Carmelo, Luís Filipe Coelho, Luís Filipe Parrado, Luís Manuel Gaspar, Luís Pedroso, m. parissy, Madalena Ávila, manuel a. domingos, Manuel Da Silva Ramos, Manuel de Freitas, Manuel Filipe, Manuel Paes, Margarida Ferra, Margarida Vale de Gato, Maria do Céu Guerra, Mariana Pinto dos Santos, Maria Sousa, Marta Chaves, Matilde Campilho, Miguel Cardoso, Miguel-Manso, Miriam Nash, Norberto Ávila, Nuno Moura, Patrícia Baltazar, Paulo José Miranda, Pedro Lage, Raquel Nobre Guerra, Raquel Serejo Martins, Renata Correia Botelho, Ricardo Álvaro, Ricardo Domeneck, Ricardo Marques, Richard Price, Rosa Guimarães, Rosa Maria Martelo, Rui Almeida, Rui Azevedo Ribeiro, Rui Caeiro, Rui Cardoso Martins, Rui Miguel Ribeiro, Rui Pires Cabral, Sandra Filipe, Stewart Conn, Tatiana Faia, Tó Carlos, Tom Pow, Valério Romão, Vasco Gato, Virgílio de Lemos, Vítor Nogueira, Vítor Silva Tavares, Zeca Medeiros.

 

(Agora é que não cumpro, porque me pediram dois parágrafos e vão três): “Esses todos?”; “Sim, incluindo os que já não atendem o telefone, nem a mim nem a ninguém, e muitos outros que aqui deviam estar”; “Mas que grande salgalhada”; “Graças a Deus”.

 

 

Miguel Martins

GRAVAÇÃO E EDIÇÃO ÁUDIO
Oriana Alves
masterização
Sérgio Milhano, PontoZurca